índice das matérias novidades e atualizações.

.

O que faz um Javali ser o Javali Selvagem Sus s. scrofa ?


Genética: o Javali Selvagem da Europa Continental se caracteriza pelo seu patrimônio genético. Esta memória esta gravada em suas células e se materializa pela sua fórmula cromossômica: o cariótipo. Efetivamente sabe-se que o Javali Selvagem da Europa Continental Sus s. scrofa possui 36 cromossomos e o porco doméstico 38 assim como os mestiços (mestiço-javaporco-BR, non domestic pig-GB, cochonglier-FR ) têm 37 ou 38 cromossomos.

Cariótipo: é a analise do número, forma e tamanho dos cromossomos de uma determinada espécie. O estabelecimento do cariótipo se dá por meio de cultura de células sangüíneas (linfócitos) em laboratório de citogenética especializada. http://www.fcav.unesp.br/jeffrey/default.htm

Fenótipo: é o aspecto exterior dos animais. Não se pode perder de vista que o aspecto exterior de um animal o que quer que seja varia muito e sobretudo em função do sexo. O dimorfismo sexual entre os javalis adultos não é muito aparente, mas em animais mais jovens as diferenças são mais sensíveis. A fêmea possui uma cabeça mais fina e mais alongada que o macho, seu dorso é mais retilíneo e suas formas são mais arredondadas principalmente quando esta próxima para parir. A estação do ano também influi no aspecto do animal. No verão os javalis mudam o pêlo, estes são mais ralos curtos e claros ao contrário no inverno são mais longos, abundantes e mais opacos. Estas diferenças às vezes importantes podem aparentar a existência de varias raças de javalis quando na realidade fazem parte da mesma espécie. Veja a seguir as características físicas ideais que definem a raça Sus s. scrofa.

Clique em qualquer parte deste Javali
e você terá sua descrição.

 Home

Avança


Caixa Postal 24 - Cep 14230-000 - Serra Azul - SP - Brasil         (0xx16) - 3951 5720    E-mail: jcprada@jcprada.com.br